Bem Vindos

Ola amigos bem vindos a Arcanoteca um espaço para RPG, mitologia, contos e curiosidades, esperamos que gostem do nosso conteúdo e nos visitem com frequência. (amigos nós não temos pop ups por favor deixem o seu ADblock desativado para nosso site pois isso nos ajuda muito a manter a Arcanoteca)

domingo, 7 de dezembro de 2014

Menu Cenários: Egrégora s Segredos de Bhorr


Ola amigos hoje trago para vocês mais uma parte do cenário Egrégora, ainda falando mais especificamente dos continentes hoje apresento:

OS SEGREDOS DE BHORR




Bhorr é um continente divido em dois grandes países ou reinos. Bhorr do Sul e Bhorr do Norte. Ambos falam a mesma língua e dividem os mesmos folclores e cultura, isso ocorre porque Bhorr costumava ser um único Reino sobre a tutela do Grande Monarca Ladeus Hiperion que desapareceu misteriosamente deixando a coroa sem um regente. Dessa forma o país entrou em guerra civil. Os nobres então forjaram suas alianças afim de coroar o rei que corresponde-se aos seus desejos então depois de 15 décadas de guerra o continente emfim se dividiu em dois territórios cujos líderes são ambos descendentes diretos da linhagem do Grande Monarca. Bhorr tem somente três estações climáticas durante o ano o verão, outono e inverno que duram aproximadamente 04 meses cada sendo que o inverno não é muito frio chegando raramente a 0 graus em algumas regiões. Os dois países também possuem praias paradisíacas e duas ilhas cada. Existe no continente um grande rio que atravessa todo o seu território o sagrado Rio Estige.

BHORR DO SUL

Em Bhorr do Sul o sistema politico é a monarquia totalitárias laica, ou seja a igreja e as religiões apesar de presentes na vida da população não tem poder ou influencia nas decisões da coroa que são absolutas e inquestionáveis. As famílias nobres vivem dentro de uma hierarquia que dita a influência e os privilégios de cada um. Em Bhor do Sul tradicionalmente o direito de sucessão é sempre conferido ao primogênito seja do gênero masculino ou feminino dessa forma quando o primogênito se casa seu cônjuge seja homem seja mulher recebe o título de Consorte e não herda o sobrenome do mesmo sendo esse exclusivo dos filhos que herdam os sobrenomes das duas famílias. O país é formado por grandes vales e campos verdes contando com uma boa agricultura e criação de animais. Existem todas as raças pensantes em Bhorr do Sul e em especial os Halflings que possuem duas grandes cidades nesse continente, Asterlagon e Dhrumdabar. Os Halflings bhorrneses são famosos por sua grande habilidade na cozinha sendo os maiores Chefes gourmet de todo o reino. Este país mantem forte comércio com todos os demais países e reinos por vias marítimas sempre tentando evitar ataques piratas. Bhorr do Sul também e famoso pela qualidade dos seus bardos uma vez que na capital existe um grande centro de dramaturgia e um enorme anfiteatro. 

Sobre a Capital Lodoss

Lodoss é uma grande cidade capital muito bonita e rica, (moldada no estilo medieval gótico europeu) é centro nervoso de todo o comércio de Bhorr do Sul e sede de seu Banco Real. A cidade conta com pavimentação em praticamente todas suas ruas, boa iluminação e uma guarda ativa e bem equipada. Os cidadãos, aparentemente felizes são de todas as raças. A capital Lodoss é o lar da Imperatriz Lucrécia e sua corte, também é o ponto de referencia para todos os grandes eventos culturais de Bhorr uma vez que é a cede da grande escola de dramaturgia com seu magnifico anfiteatro. Existe um grande templo ao sagrado Mah-nôth, "o deus de muitas faces", onde são celebrados e aceitos todos os tipos de rituais de todas as religiões, elficos, humanos, anões, halflings, etc.. não existem distinções pois para os bhorrneses dessa religião, todos deuses são considerados faces de Mah-nôth.

• Lucrécia Valentina de Damasco Hiperion: Lucrécia é a imperatriz de Bhorr do sul, descendente direta (filha) do grande Monarca Ladeus com uma de suas 12 consortes oficiais, uma nobre elfa da família de Damasco. A rainha aparenta ser uma meia-elfa, dona de uma beleza incrível extremamente inteligente, e versada nas artes arcanas bem com na arte da espada sendo considera uma poderosa Gish Duskblade. A imperatriz é casada com dois consortes que lhe deram 04 filhos, sendo dois meninos e duas meninas. Seus primogênitos são o príncipe Ivan de Damasco Colina Hiperion do primeiro casamento e a princesa Madalena de Damasco Ycarish Hiperion do segundo casamento. A Imperatriz Lucrécia tem aproximadamente 273 anos, embora aparente ter apenas 20, e viveu parte de sua vida ao lado do Pai até seu misterioso desaparecimento. A partir dai se juntou aos nobres na guerra pelo poder ate fundar o reino de Bhorr do Sul no histórico  "Tratado das Agulhas" quando toda a nobreza se dividiu em dois grandes países começando assim uma nova era de paz.

BHORR DO NORTE

Em Bhorr do Norte o sistema politico é o de Monarquia Totalitária Teocrática, ou seja o rei é absoluto, sendo a coroa tanto o estado como o líder máximo da religião no país. Dessa forma o Rei é também o Sumo Sacerdote e guia espiritual de seu povo, sendo adorado e reverenciado como sagrado (estilo Papa e Vaticano). Em Bhor do Norte a religião oficial do estado é o Mah-nôteismo, a religião do deus Mah-nôth "o de muitas faces". Essa religião prega que Mah-nôth é o deus único, onipotente e onipresente e que todas outras divindades são meras faces do mesmo. Em sua liturgia Mah-noth teria enviado seu filho para o mundo para professar a sua fé e revelar o segredo da existência de um Deus único que pode ser tanto um deus benevolente quanto um deus destruidor. Outra religiões apesar de não ganharem benefícios ou ajuda do estado são todas aceitas já que aos olhos dos Mah-nôteistas todas são faces de Mah-noth. O pais é formado por vales, florestas e montanhas vulcânicas algumas ativas e outras extintas. O vulcão ativo mais famoso é o Monte Aether, essa fama se dá porque esse vulcão é o lar de uma Fênix e além disso muitos dos minerais que são cuspidos nas suas erupções veem imbuídos em uma poderosa energia mágica fazendo com que sejam extremamente cobiçados para confecção de itens mágicos principalmente pelos magos da guilda Emeth de Myhr. Bhorr do Norte se destaca na agricultura como maior produtor de café de todos continentes artigo muito apreciado em todos lugares de Egrégora. O pais mantem comercio por vias marítimas com os demais continentes bem como pratica o comercio livre com seu irmão do sul. Existem todas as raças pensantes em Bhorr do Norte em especial os anões que possuem uma cidade estado livre e própria, Doomgardem. 

Sobre a Capital Metalicana

Metalicana, é uma magnifica cidade capital (moldada no estilo grego/romano com muitas escultaras fazendo parte das construções) a cidade logo em seu pórtico conta com uma enorme estátua do deus Mah-nôth com 18m de altura. A divindade  é retratada humanoide e esta com os braços abertos e voltados para cima, na palma da mão direita temos a letra Alpha e na palma esquerda a letra Omega, sua cabeça apresenta diversas faces cada uma de uma raça pensante diferente (algumas femininas), aos seus pés existem cerca de 253 outras estatuas menores (cerca de 2m de altura) representando uma infinidades de deuses diferentes. Metalicana tem um povo diverso e aparentemente muito atarefado sempre agitados falando rápido e se mexendo rápido também. É fácil observar que a religião é muito presente existindo em toda capital milhares de pequenos santuários, praticamente todas residências contam com um ou mais deles. A maior e mais magnifica construção é o grande templo/castelo ao deus Mah-nôth, ricamente decorado com os mais finos e preciosos materiais. O templo/castelo é o lar do Sumo Sacerdote e Rei Ichaboth Akalanatus Hiperion e o ponto de encontro de sua corte e clero que consiste de nobres, bispos e arcebispos. 

• Ichaboth Akalanatus Hiperion: Icaboth é o imperador e Sumo sacerdote do reino de Bhorr do Norte, ele é um descendente direto (filho) do grande monarca Ladeus com uma de suas 12 consortes, uma nobre Gênasi da família Akalanatus. Ichaboth aparenta ter herdado de sua mãe traços muito fortes dos genasis, como os cabelos de fogo. Ele também é conhecido por ser um homem muito sábio além de um poderoso curandeiro (servo radiante). Assim como sua meia irmã Lucrécia, Ichaboth é casado e tem 04 filhos com sua esposa uma elfa de linhagem nobre. Esse nobre Rei de tendencia bondosa não desconfia de que alguns dos nobres de sua corte estão relacionados com a morte do rei de Brathos país com o qual matem forte comércio. Ichaboth tem cerca de 240 anos e viveu parte de sua vida na companhia do pai até o mesmo desaparecer. A partir dai se juntou aos nobres na guerra pelo poder ate fundar o reino de Bhorr do Norte sobre as bençãos do deus Mah-nôth e finalmente alcançaram a paz no histórico   "Tratado das Agulhas" quando toda a nobreza se dividiu em dois grandes países começando assim uma nova era de paz.

• Clérigos de Mah-nôth: Acreditar em um Deus único e onipotentes tem seus benefícios, os Clérigos de Mah-nôth podem de acordo com o seu conhecimento em religião acessar qualquer um dos domínios existentes de qualquer divindade que conheçam, uma vez que todos deuses são faces do glorioso Mah-nôth. Isso funciona da seguinte maneira para um personagem Clérigo que deseja acessar o domínio do fogo por exemplo deve fazer suas orações a face do deus do fogo e assim para qualquer outra divindade, a escolha dos domínios pode ser feita uma vez no inicio de cada dia. Isso fica limitado a (cargo do mestre) ao conhecimento religioso do personagem (quantos mais ranks mais faces do deus o clérigo conhece e logo pode acessar mais domínios). Dessa forma os Clerigos de Mah-nôth são os maiores especialistas em teologias de todo mundo de Egrégora, sendo em sua maioria grandes escribas e também linguistas. Os Clérigos desse deus também podem escolher quaisquer armas de quaisquer deuses como sua arma preferida mas isso só pode ser feito uma vez na criação do personagem e retrata com qual face do deus o devoto tem mais afinidades. 

SEGREDOS 

• Rumores sobre o Grande Monarca Ladeus Hiperion:  

Supõe-se que o Monarca Ladeus Hiperion em algum momento foi originalmente um humano. Embora Ladeus só aparenta-se ter 50 anos de idade é fato notório a existência de registros de sua longevidade ser superior a 1500 anos. 
O grande monarca ficou conhecido como herói e  "o unificador" após ser decisivo na unificação do continente de Bhorr (conquista) em uma campanha que durou cerca de 40 anos, sendo que nessa ocasião já ostentava o título de Mestre supremo da magia do sangue "Kaiser Blood Magus" honraria concedida pelo próprio Myhrdjm daquela época que foi muito anterior ao atual. Sabe-se também que o monarca teve 12 consortes oficiais de diferentes raças e muitos e muitos filhos legítimos e bastardos, um dos motivos pelo qual o país caiu em guerra civil com seu desaparecimento. Ladeus permanece uma incógnita não se sabe exatamente o que ele é e o que aconteceu com o mesmo uma vez que o monarca após unificar o país e governa-lo por cerca de 80 anos simplesmente desapareceu. Os parentes e amigos próximos dizem que ele começou a ficar cada vez mais recluso e obcecado na pesquisa de itens mágicos e muitos chegam a pensar que ele tenha viajado para Myhr. 

• Verdades que não se sabe sobre o Grande Monarca Ladeus Hiperion. 

A muito tempo Ladeus Hiperion foi de fato um humano, status que perdeu durante sua evolução mistica, ele foi um mago extremamente habilidoso com o grande sonho de unificar o seu continente e trazer paz e prosperidade para todos, mas para isso ele precisaria de muito tempo e muito poder coisas que ele acabou conseguindo. O blood magus Ladeus no decorrer de sua vida humana descobriu um artefato capaz de drenar a vida e a essência de outros seres mediante a um ritual macabro, dessa forma convertendo a energia da essência drenada em longevidade. Como efeito colateral o ritual era extremamente viciante e fragmentava a psiquê do conjurador uma vez que a essência roubada vinha com as mais diversas paixões e experiencias, gerando aos poucos novos comportamentos e enlouquecendo aos poucos o mago. Dessa forma Ladeus podia ser primariamente caótico, neutro ou ordeiro dependendo do dia e de seu humor. Com o passar dos anos o Blood Magus drenou a essência de vários seres incluindo a de um dragão ficando com sua psique extremamente fragmentada. Sabendo que sua sanidade estava quase esgotada ele optou por uma atitude muito drástica, o monarca se exilou nas ilhas de Bhorr e vive escondido da sociedade fazendo experimentos variados nos infelizes que cruzam o seu caminho em busca de algum tipo de cura para sua condição para só então fazer um retorno triunfante... pelo menos é assim que ele pensa. O fato é que Ladeus agora representa uma seria ameaçá ao futuro pacifico de Bhorr. 

Outro segredo: 

O Dragão elemental do fogo Ignis "o Ardente" esta dormindo no centro quente do planeta e durante seu sono ele dá esporádicas baforadas de luz e fogo primordial  essa energia mágica bruta segue seu caminho pelos veios do magma e eclode saindo da boca do grande Monte Aether, um grande vulcão ativo que se situa em Bhorr do Norte e é o Lar de uma Fênix. Motivo pelos quais os minerais e cristais dessa região são estupidamente ricos em energia mágica e portanto cobiçados por muitos magos, uma vez que eles detêm fragmentos de energia primordial bruta e pura. 

Espero que tenham gostado!!
Até a próxima. 
Autor: MárcioLasombra

Nenhum comentário:

Postar um comentário