Bem Vindos

Ola amigos bem vindos a Arcanoteca um espaço para RPG, mitologia, contos e curiosidades, esperamos que gostem do nosso conteúdo e nos visitem com frequência. (amigos nós não temos pop ups por favor deixem o seu ADblock desativado para nosso site pois isso nos ajuda muito a manter a Arcanoteca)

terça-feira, 11 de novembro de 2014

Menu Artigos: Cuique Suun - RPG Anjos - WOD

CORTE DOS ANJOS OCIDENTAIS CLERO: CUIQUE SUUN - (RPG Anjos a Salvação - WOD)

Mesmo entre os anjos é preciso justiça. Os Cuique Suum são os encarregados de zelar pela justiça, tanto no Éden como na Terra. Gerados nos princípios dos tempos, os Cuique Suum foram, e sempre serão, os encarregados de descobrir a culpa nas pessoas, e força-las a aceitar o julgamento a que serão submetidas. Os Cuique Suum são um Clero antigo. Fundados por Fanuel, um dos sete Primi originais, ele foi gerado para resolver quaisquer atritos que surgissem entre os demais Cleros. Os Cuique Suum gozam de tremendo respeito em todo o Éden. Seus poderes lhes permitem sentir a culpa no coração das pessoas e, desta forma descobrir que crimes cada um cometeu. Desta forma, os Cuique Suum são quase infalíveis em seus deveres de justiça, o que lhes rende prestígio em todas as Cortes de Celestiais. Tanto os Ocidentais e Orientais como os Malaki e os independentes buscam os Cuique Suum para resolverem suas questões.Mas os Cuique Suum não são apenas juizes. Às vezes, eles são os agentes da lei também.“Justiça,” eles dizem, “não deve ser feita apenas pelo juiz... mas pelo guerreiro também.” Desta forma, muitos Cuique Suum fogem do estereótipo pacífico do Clero, tornando-se ferozes agentes de justiça no mundo. Esses Cuique Suum guerreiros são mais freqüentes na Terra, e muitos tomam identidades mortais para poderem ajudar a humanidade.Os guerreiros Cuique Suum muitas vezes se envolvem com demônios. Em sua luta para encontrar os culpados de um crime, os Celestiais justiceiros acabam atraindo a atenção de demônios que, por um motivo ou outro, não desejam a verdade revelada. Esses encontros geraram um ódio profundo entre os juizes e os infernais.

Mas os infernais não são os únicos inimigos... ironicamente, a própria humanidade pode ser adversária da justiça do Éden.
Agora que os tempos se tornam mais violentos e a moralidade humana está perdendo para os desejos de lucro e ascensão social, porém, os Cuique Suum trabalham mais duro do que nunca. Conforme injustiças se espalham pelo mundo, os filhos de Fanuel estão cada vez mais preocupados em se envolver com os mortais. Muitas vezes, eles assumem trabalhos investigativos para encontrar provas e denunciar criminosos humanos, principalmente criminosos com dinheiro e álibis convincentes...
Assim, os Cuique Suum prosseguem em sua luta contra aqueles Celestiais, infernais e mortais que ousam causar a injustiça no Céu ou na Terra...

Apelidos: Filhos de Fanuel, Anjos da Justiça

Primus: Fanuel é o criador dos Cuique Suum. Ele vive no Firmamento, e passa a maior parte do tempo inacessível, em contato com os três Regentes ou estudando. Ele pode ser encontrado em suas freqüentes visitas a Sancta Turrim, quando ele se reúne com o conselho de Serafins do Clero.
Corte: Os Cuique Suum pertencem, pelo menos nominalmente, à Corte Ocidental. Eles não se limitam a ela, porém.
Muitos Cuique Suum são da Corte do Oriente, onde o Clero é quase tão influente (mas não tão numeroso) quanto os Wakizashi e é conhecido pelo nome de Turiai.
Os Malaki também respeitam e são respeitados pelos Anjos da Justiça. Nas Cortes Malaki, os Cuique Suum são considerados verdadeiros líderes, e são respeitados a ponto de até mesmo os Venatores Malaki os considerarem superiores. Na mentalidade Malaki, porém, os guerreiros lideram, e os juizes apenas aconselham os líderes e trazem justiça quando dois líderes se desentendem.
Finalmente, há aqueles Cuique Suum que não vêem necessidade em pertencer a uma Corte. Segundo esses independentes, justiça é justiça, e é válida em qualquer cultura. A maioria dos Cuique Suum que reside na Terra ou que tomam o caminho do guerreiro são independentes.


Aparência: A maioria dos Cuique Suum é do sexo masculino, mas não é raro encontrar mulheres no Clero. Os Cuique Suum, por tradição, gostam de se vestir bem e de forma respeitável, de acordo com a cultura com a qual mantém mais contato. A maioria deles têm uma aparência séria, mais velha e experiente. Os olhos deles, porém, sempre demonstram grande vitalidade e interesse.

Asas: Na forma Celestial, as asas de um Cuique Suum são gigantescas, emplumadas e brilhantes. Um brilho intenso dourado ou azulado é emitido pelas asas e olhos do Celestial, dando a impressão que suas asas são feitas de luz.
Background: Cuique Suum são raros. Poucas almas de mortais têm a dedicação para se tornarem encarnações de justiça. A maioria dos Cuique Suum era em vida pessoas injustiçadas e com fortes ideais, ou aqueles que presenciaram muitas injustiças durante sua existência na Terra.

Organização: Os Cuique Suum são liderados por um Conselho de 21 Serafins, que se reúne anualmente nos andares mais elevados de Sancta Turrim. A maioria das vezes, o conselho se dedica apenas a discutir a situação do Clero e da Terra.
Além disso, o conselho se reúne quando surge uma emergência que exige a atenção do Clero como um todo.

O Conselho raramente dita qualquer lei ou ordem ao Clero. De fato, para os Cuique Suum, os que servem à justiça automaticamente seguem a leis, não precisando ser ordenados. O Conselho só costuma se intrometer quando o Clero ou o Éden passa por alguma emergência ou perigo.
O Arcanjo Fanuel raramente aparece, e quando o faz, apenas observa o andamento de seus filhos. Raramente Fanuel vê a necessidade de ter de se intrometer com o andamento dos Cuique Suum.
Criação de Personagem: Não existe um Cuique Suum “padrão.” Dependendo de sua área de especialização, ele pode ter qualquer grupo de Atributos como Primário. A maioria costuma possuir, porém, Carisma ou Percepção altos. Tanto Conhecimentos como Talentos também são de grande importância para eles. É raro um Cuique Suum, com exceção dos Cuique Suum orientais, se interessar por magia ou misticismo, porém, e normalmente eles não possuem conhecimentos como Cosmologia ou Cultura Mística em níveis altos.

A grande maioria dos Cuique Suum mantém um Mentor, e muitos possuem ainda muitos contatos e acesso livre a alguma Biblioteca.
Habilidades Sugeridas: Consciência, Prontidão, Empatia, Intimidação, Lábia, Etiqueta, Liderança, Armas Brancas, Investigação, Direito, Lingüística, Política.
Trilha de Pureza: Os Cuique Suum preferem seguir a Trilha da Santidade ou a Trilha da Honra. Alguns seguem a Trilha do Guerreiro, e uma minoria se preocupa com a Trilha do Conhecimento. Raríssimo é o Cuique Suum que segue os caminhos da Liberdade.
Força de Vontade inicial: 6
Poder Exclusivo: Lex
Desenvolvido por Fanuel, Lex é o poder de sentir a culpa nas pessoas. Ele também permite gerar marcas visíveis para os que conhecem esse poder, para marcar criminosos ou identificar certas pessoas como importantes. Os níveis mais avançados de Lex permitem ao Celestial voltar a culpa de uma pessoa contra ela própria.
Poderes Comuns Preferidos: Domínio e Mystérion são preferidos, pois facilitam o trabalho dos Anjos da Justiça. Pouquíssimos Cuique Suum se interessam por Elementalidade, porém, devido ao complicado aprendizado místico necessário para se desenvolver esse poder.

CITAÇÃO: "Eu vejo que há muito oculto por trás de sua face inocente... e vejo que há muita culpa e muito remorso pelo que você fez. Mas também vejo que ele te obrigou a isso. Olhe nos meus olhos, criança. Me diga quem fez isso e onde encontra-lo, e nem a culpa nem ele atormentarão você mais.
Você fez a coisa certa... Muito obrigado."

ESTEREÓTIPOS

Hun Xian/Wakizashi: Um tanto xenófobos, eu diria. Se não fosse o medo que eles têm de se relacionar com “estrangeiros,” todos poderíamos nos beneficiar com sua honra, sua liderança e sua força.

Kage/Shinobi: É difícil confiar neles. É difícil confiar em alguém que só anda entre sombras, e cuja face não pode ser vista. De qualquer forma, eles são puros, não? Senão, suas asas negras já teriam sido cortadas.

Líberes: Um tanto animados, um tanto inconseqüentes... mas bastante divertidos... eles mantém uma face de leviandade no que fazem, mas sei que fazem direito o que é seu dever.

Mors Sancta: Raramente nos envolvemos com eles. Não porque os tememos ou porque eles têm algo a esconder de nós, mas sim porque eles nunca estão presentes. De qualquer forma, sei muito pouco sobre eles para dar uma opinião concreta.
Primordiais: O que dizer de um grupo em que cada indivíduo é diferente? Os Primordiais não podem ser classificados, então não serei eu quem irá tentar fazê-lo.

Princeps: Orgulho demais pode cegar, mas mesmo quando cegos os Princeps são líderes natos. Infelizmente, o poder que possuem pode corromper... Muitos Impuros vieram das fileiras dos “augustos” Princeps.

Sancti: Somos muito parecidos... eles curam os indivíduos. Nós curamos a sociedade.
Spiritus Latro: Sinto muito, mas não falarei de nossos irmãos destruídos... eles são a maior das vergonhas para nós, pois como juizes nós falhamos com eles.
Superviventes: Os andarilhos são raramente vistos... é de se imaginar que eles não gostam de contato social... mas a verdade é que gostam, que são muito carismáticos... mas muito misteriosos também. Qual seria a razão de tanto mistério?

Tecnoanjos: Estranho imaginar um anjo, com asas e tudo, usando um computador... Nunca ensinaram isso em religião nenhuma, não é? Mas não pense que eles são menos Celestiais do que nós só porque agem de forma pouco convencional.

Venatores: Um guerreiro tem a mente estreita demais, e raramente param para se perguntar se o que ele faz é certo ou errado. Eles precisam de nós muitas vezes, pois sua sede por justiça é cega, e em sua fúria eles podem acabar atacando a pessoa errada...

Veritatis Perquiratores: Eles são poderosos, sábios, enigmáticos e justos. Mesmo assim, sinto que há algo de estranho oculto por trás do desaparecimento de seu fundador...

Xamãs: Eles têm sua própria justiça, mas mesmo assim nos aceitam entre eles. Talvez porque saibam que jamais faremos mal à sua cultura, talvez porque sabem que nós os respeitamos por sua pureza e determinação.

OUTROS

Anjos Caídos: São criminosos, pura e simplesmente. Vigie-os, porém... embora alguns busquem a redenção, muitos querem apenas vingança contra aqueles que os condenaram... ou seja, contra nós.

Luciferite: Não há nada que possamos fazer, a não ser convocar os Venatores para a caçada.

Demônios: Cuidado. Eles são espertos, traiçoeiros e podem iludir até mesmo nossos poderes. Justiça não é nada para eles. Não há nada a ser feito, a não ser impedi-los... ou elimina-los.

Vermis Magnis: Não há o que dizer. Apenas destrua tudo que se relaciona a esta abominação.

Outros Seres das Trevas: Tenha cuidado. Eles são sempre perigosos... mas nem sempre são nossos inimigos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário