Bem Vindos

Ola amigos bem vindos a Arcanoteca um espaço para RPG, mitologia, contos e curiosidades, esperamos que gostem do nosso conteúdo e nos visitem com frequência. (amigos nós não temos pop ups por favor deixem o seu ADblock desativado para nosso site pois isso nos ajuda muito a manter a Arcanoteca)

terça-feira, 7 de julho de 2015

Menu Contos: Nascimento de um Personagem

NASCIMENTO DE UM PERSONAGEM

por Franciolli, Tomo de Velino 

Algum de vocês aí é pai? Sim? Não?
Somente quem é pai E jogador de RPG entende a angústia sobre a qual vou lhes falar.
Quando o pai é participativo, durante uma gravidez normal, suas preocupações só começam na hora do parto, ou pelo menos é nesta hora que elas se intensificam e se tornam críticas. A angústia, apreensão e aflição são tamanhas que até a respiração falha.
Em meu mundo, nascemos de uma forma ligeiramente diferente!
No meu nascimento EU me senti assim, por que no meu mundo, existimos antes de sermos concebidos na forma de consciência elementar e tenha certeza que não gostamos nem um pouco da sensação de ser abortados.
No meu mundo somos concebidos a partir de uma ideia e para existirmos fisicamente precisamos de infusão divina que são os dados sendo rolados.
É esta infusão divina que nos direcionará, que nos guiará rumo ao que seremos, mas elas não ditarão o que seremos e nem onde vamos chegar. Isso cabe a nossa capacidade em vencer os obstáculos que nos são impostos, os que impomos sobre nós mesmos e a alguma limitação com a qual nasçamos (sim, não somos uma sociedade espartana).
Porém, algumas pessoas de mente fechada acreditam que somente os fortes sobrevivem e somente eles são capazes de transformar o mundo. Estas criaturas – os considero monstros terríveis – são capazes de matar sua prole apenas por não acreditar que ela possa ser alguém em virtude de alguma limitação que ela possua no nascimento.

Pais que não acreditam em seus filhos são seus algozes.
– Candy Eiro. Mago das antigas.

Como na vida que você tem em seu mundo, nem sempre conseguimos seguir a profissão que desejamos, fazer as coisas que queremos, mas podemos nos ajustar as situações, fazendo bem o que podemos fazer. No entanto, alguns acreditam que somos incapazes, que não podemos vencer obstáculos.
Entre a 3ª era, a forma como passamos a existir foi levemente modificada, se tornando definitivamente Espartana na 4ª era. Ter limitação não é mais uma opção! Nascemos para ser heróis, não meros coadjuvantes na história de nossas vidas. Podemos alcançar a imortalidade ou quem sabe a divindade com um pouco de sorte.
Não ser perfeito não é mais uma possibilidade. Ou nascemos perfeitos ou somos descartados.
Como já disse anteriormente, o momento do nascimento é único e dele, nunca vou me esquecer!

Nascer é indescritível!

Com cuidado! Pegue os dados divinos! Isso, um de cada vez! Primeiro para Força!
Ótimo! 3 + 3 + 1… 7!
Não serás fisicamente forte e nem se interessarás por brincadeiras ou atividades que a envolvam…

Agora para a Destreza! Respire fundo! Vamos lá! 4 + 1 + 4… 9!
… e embora não seja um desastrado, também não terá grandes habilidades manuais…

Constituição agora! Capricha! Você não vai querer uma saúde frágil… 6 + 2 + 4… 12! Muito melhor…
… mas sua saúde será boa e você não cairá doente com frequência, e sua vida pode estender-se até a velhice se não se arriscar demais…

Inteligência agora! Vamos bem devagar para dar sorte! 6 + 5 + 6… 17! Fantástico! Você poderá ser um erudito! 
… mas tudo isso por um motivo. Tua inteligência será prodigiosa. Aprenderá as coisas fácil e rapidamente e poderá dominar conhecimentos que o homem comum não pode…

Agora resta pouco. Vamos ver quão sábio você será. 4 + 3 + 5… 12! Quem sabe um clérigo?
… seu entendimento sobre o que o cerca também será maior que o do homem comum e você entenderá bem os ciclos naturais e buscará mais sabedoria na sabedoria de quem o cerca…

Por último o Carisma! 3 + 2 + 3… 8! Não é ruim, mas também não é muito bom…
… suas idéias, sua forma de expressar-se e o fato de não conseguir esconder seus pensamentos, o tornarão um homem não muito popular…

Mas este sou EU! EU NASCI! E POSSO ME TORNAR UM GRANDE MAGO!

Os músculos, os órgãos e o sangue ainda precisavam ser infundidos na criação, mas o esqueleto já estava pronto e muito caberia a mim!
Eu ainda teria que escolher as ferramentas com as quais eu forjaria meu nome na tábua do grande universo controlado pelo Grande Mestre! Mas eu já sabia quem seria! Conhecia minhas limitações e poderia crescer muito além delas! Sem ser sacrificado por “não ser apropriado“.
As lágrimas sempre rolam pelos meus olhos quando lembro-me de meu nascimento e me indigno diante da cruel realidade instaurada na 4ª Era, quando os grandes mestres determinaram que ninguém mais poderia exibir traços de fraqueza no nascimento, não se almejassem trilhar o caminho do herói.
Na 4ª Era somente os perfeitos poder almejar a grandeza! Não há espaço para pessoas abaixo da média, pois eles são descartados antes mesmo de nascerem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário