Bem Vindos

Ola amigos bem vindos a Arcanoteca um espaço para RPG, mitologia, contos e curiosidades, esperamos que gostem do nosso conteúdo e nos visitem com frequência. (amigos nós não temos pop ups por favor deixem o seu ADblock desativado para nosso site pois isso nos ajuda muito a manter a Arcanoteca)

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Menu Artigos: O dia de todos os Santos

O DIA DE TODOS OS SANTOS



O Dia de Todos os Santos é uma celebração religiosa celebrada em 1 de novembro no ocidente e no primeiro domingo após o Dia de Pentecostes no oriente.
Foi celebrado pela primeira vez no dia 13 de maio de 609 d. C. e foi instituído pelo Papa Bonifácio IV. Este era o dia da festividade romana celebrada no Panteão,  com o objetivo de cristianizar mais pessoas, este dia continuou a ser comemorado mas, desde então, em honra de Maria e de todos os mártires.

Mais tarde, na primeira metade do século VIII, o Papa Gregório modificou a data da celebração para 1 de novembro. Não existem certezas quanto ao motivo  mas, segundo a Enciclopédia da Religião, o mais provável é que esta mudança tenha ocorrido com o objetivo de cristianizar uma outra festa que continuava a ser celebrada pelos povos celtas, mesmo depois da sua cristianização: o Samhain. Também a Nova Enciclopédia Católica menciona que o dia 1 de novembro era comemorado pelos irlandeses e pelos celtas como o início do inverno, de modo que a instituição do dia 1 de novembro como o Dia de Todos os Santos foi o ponto de partida para globalizar e popularizar esta festividade.
Apesar de todos os esforços enveredados pela Igreja no sentido de cristianizar esta festividade, a verdade é que, na mente do povo, este dia continuava a ser associado a crenças em bruxas, espíritos que saíam do Purgatório, etc…

Mas, mesmo antes de existir um dia instituído para homenagear os santos martirizados, já existia o costume de se celebrar uma missa em honra de todos os mártires num único local. Provavelmente, isso acontecia devido ao fato de ter sido frequente o hábito de martirizar grupos inteiros de cristãos num único local. Por exemplo, existe um registo datado do século IV, que refere a celebração de um dia comum para todos os mártires em Antioquia, no primeiro domingo depois do Dia de Pentecostes, sendo que ainda hoje é esse o dia escolhido para esta comemoração por parte das igrejas cristãs orientais.

À medida que o tempo foi passando, o número de pessoas consideradas santas e canonizadas foi aumentando, de modo que este dia deixou de ser conhecido como o Dia de Maria e de todos os mártires para passar a ser conhecido como o dia de todos os santos.
Ainda assim, mesmo tendo-se perdido muitas das crendices associadas a este dia, um pouco por todo o mundo cristão, é festejado o Dia das Bruxas, evidenciando a crença de que os espíritos são soltos do purgatório neste dia, de modo que o Dia de Todos os Santos, principalmente no ocidente, continua a ter tanto de cristão como de pagão.

fonte- história de Portugal

Nenhum comentário:

Postar um comentário