Bem Vindos

Ola amigos bem vindos a Arcanoteca um espaço para RPG, mitologia, contos e curiosidades, esperamos que gostem do nosso conteúdo e nos visitem com frequência. (amigos nós não temos pop ups por favor deixem o seu ADblock desativado para nosso site pois isso nos ajuda muito a manter a Arcanoteca)

terça-feira, 28 de abril de 2015

Menu Artigos: Guildas de Magos

GUILDAS DE MAGOS

Autor Franciolli
Blog: Tomodevelino 

Nenhuma cidade medieval fantástica está completa sem uma guilda de magos. Como outros membros da sociedade, os magos precisam de uma comunidade e segurança coletiva. Para determinar a viabilidade da guilda de magos, é preciso entender por que elas são formadas: quais benefícios elas oferecem, quais pagamentos financeiros e sociais seus membros fazem pelo privilégio da associação e o papel da guilda como regulador da cidade.

Red Wizards of Tthay

As guildas configuram-se como espaços para a convivência amigável, segurança e distinção social de acordo com a profissão ou ofício de seus membros. Uma guilda de magos oferece muitos benefícios para seus membros, tanto social quanto orientada ao arcanismo. Se um mago sofrer a última morte, a guilda assegurará um funeral apropriado e uma pensão para a viúva e seus filhos. Para os membros suficientemente ricos, a guilda pode garantir uma ressurreição. Em grandes cidades com guildas ricas, a guilda pode garantir acesso a centros de pesquisa, laboratórios, materiais especiais e componentes materiais. Onde mais um mago poderia ter fácil acesso as serpentes da cabeça de uma medusa, mesmo tendo que pagar o preço exorbitante da guilda? Outras possibilidade incluem o compartilhamento de aprendizado mágico, troca de magias, empréstimo/locação de itens mágicos. Banquetes de feriados e produções teatrais fazem grande sucesso nos salões da guilda e os tipos de músicas que os magos cantam depois de consumir jarros de cerveja são lendárias. Os magos também gostam de falar para audiências que entendam o que eles querem dizer com “Sim, eu tentei reverter o campo metamágico polarizando o flogisto; infelizmente, quando abri a caixa, o gato estava morto.”

Debate mágico

A guilda age como uma força policial do seu ofício, tanto para os membros da guilda, quanto para os autônomos estabelecidos no território da guilda. Se existir uma guilda de magos na cidade, tornar-se um membro não é uma ostentação; é um pré-requisito. Como ocorre em outras guildas profissionais e de ofícios, a associação é obrigatória para a prática de magia na cidade, o que inclui conjurar magias para outros, venda de serviços mágicos e criar itens mágicos para a venda. Praticantes não autorizados sofrerão retaliações da guilda se seus trabalhos forem descobertos. Isso não quer dizer que isso não possa acontecer; isso apenas significa que as guildas possuem um direito social e legal para perseguir estes transgressores.

A guilda também cria suas regulamentações e leis. Qualquer número de restrições podem ser parte de uma guilda de magos. Embora as leis específicas de uma guilda dependem da campanha, mas aqui vão algumas ideias:

- Limitam quem pode criar quais itens mágicos;
- Restringem quais níveis de magia um mago pode conjurar em forma de serviço, dependendo do nível ou status da guilda;
- Regulam os preços pelos quais os magos vendem os itens mágicos, poções, pergaminhos, ou magias que eles conjuram de memória;
- Determinam quem se torna um mago, controlando as associações e controlando os aprendizes;
- Criam códigos de conduta para magos estrangeiros que entram na cidade;
- Criam especializações dentro da guilda, como magos de batalha, magos de caravana, magos pesquisadores e magos produtores.

No entanto, com a associação à guilda vem as obrigações. Serviços, itens mágicos, pergaminhos, poções, pesquisas, magias, componentes únicos, pagamentos de taxas de associação e outros pagamentos. A combinação de pagamentos depende da guilda em particular. A própria guilda possui obrigações feudais com as quais tem que cumprir. A quantidade de poder que a guilda possui, um senhor ou conselho da cidade que dê a guilda um acento, um arranjo feito com outros grupos, determinam as obrigações feudais que a guilda possui com outros grupos e centros de poder na cidade.

É importante lembrar que a despeito da camaradagem e regras de polidez, as guildas possuem muitas lutas internas, traições, influência de poder individuais, quebra de regras sistemáticas e jogo sujo, como em qualquer outra guilda. Embora os senhores possam conceder o direito para a formação de uma guilda de magos na cidade, eles nunca abrirão mão de seu controle sobre a taxação de itens mágicos e serviços, a menos que sejam fisicamente forçados do contrário.

As guildas de magos são potencialmente, um dos mais poderosos grupos de poder de uma cidade. Estas organizações detém o poder mágico, e muito comumente a riqueza, para competir contra outras guildas e centros de poder por influência e atenção. Os magos fornecem magias que ampliam a capacidade de solucionar crimes, coleta de informações e diplomacia. As guildas de magos estão repletas de homens de conhecimento e suas bibliotecas abrangentes, instalações mantidas em alta estima como locais de aprendizado e de arquitetura proeminente. As guildas de magos são locais extremamente úteis em locais onde interesses militares são fortes ou em tempos de guerra.

É possível ter uma guilda de magos em comunidades menores, abrindo o conceito de guilda arcana para feiticeiros e bardos, mas essas organizações são diferentes daquelas onde magos suficientemente instruídos se reúnem e desprezam suas contrapartes arcanas iletrados e indisciplinados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário